Castellar Lareiras

instagram pinterest whatsapp
Início do conteúdo

5 Truques para aproveitar ao máximo a sua lareira

Os dias estão mais curtos e a queda de temperatura são indícios de que o inverno está cada vez mais próximo. Aqui segue 5 truques para aproveitar ao máximo a sua lareira.

Os dias estão mais curtos e a queda de temperatura são indícios de que o inverno está cada vez mais próximo. E nada melhor do que uma lareira para aquecer e deixar aquela atmosfera aconchegante dominar o ambiente, aproximar as pessoas ao nosso redor para curtir o calor e o conforto.


Hoje o nosso post vai tratar de um modelo específico, a mais tradicional e conhecida: a lareira à lenha. Resolvemos dar algumas dicas para melhorar a eficiência e o desempenho da sua lareira.


1 - Qualidade e armazenamento da lenha


É sempre bom falar que a lareira terá resultados melhores se usar lenha seca, cortada, guardada e ventilada em lugar coberto, durante pelo menos 1 ano. Assim ela produz mais calor, menos fumaça e deposita menos alcatrão na lareira, na chaminé e na porta de vidro.


2 - Aquecimento por zonas


Aquecimento por zonas, já ouviu falar? A sua lareira é um aquecedor de ambientes, o que significa que ela pode aquecer o cômodo onde está instalada, mais os ambientes integrados a ela, com menos intensidade, é claro. Esse é o chamado aquecimento por zonas. Nossa dica é instalar a lareira na parte da casa em que a família costuma passar a maior parte do tempo assim você pode extrair ao máximo o calor que a lareira produz e ainda aquecer outros ambientes sem um sistema de calefação.


3 - Opte por uma lareira fechada


Uma lareira fechada com porta de vitrocerâmico faz com que a sua lareira libere menos fumaça, diferente de uma lareira convencional ou de alvenaria. De certa forma, o modelo de alvenaria não funciona muito bem por que a fumaça liberada pela queima da lenha contém cerca de metade da energia do combustível, e esta vai embora pela chaminé. Uma lareira fechada (alto desempenho) possui um recurso que permite reduzir a entrada de ar e controlar a saída de calor, sem deixar de manter as chamas na combustão, o que aumenta o desempenho e a eficiência da calefação do ambiente.


4 - Acender o fogo


Agora chegou a parte que é uma loteria. Acender o tão sonhado fogo!


Uma lareira cheia de lenha gera mais calor durante um período maior de tempo. Isso não é novidade, mas também pode ser uma pegadinha, por que em regra geral é o peso da lenha que determina a qualidade do calor e o aproveitamento da queima. Sabendo disso vamos à pratica. Você pode acender o fogo de duas formas:


Modo tradicional:


Primeiro coloca o papel, depois as aparas de lenha e a seguir a lenha miúda. Só então pode acender o fogo. Não coloque logo toros maiores, só depois do fogo pegar bem.


Modo de cima para baixo:


Coloque primeiro os toros maiores de lenha, depois a lenha miúda, a seguir o papel e por último as aparas. Neste caso, a combustão inicia em cima e vai descendo. Com este segundo método poderá atingir um maior rendimento do calor.


5 - Um clima para cada estação


Quem tem lareira sabe, qualquer friozinho é motivo para acender o fogo. Mas convenhamos, sua casa precisa de bem menos calor no outono do que no auge do inverno. Por isso, você precisa saber acender fogos para diferentes necessidades. Eis aqui algumas sugestões com base em diferentes demandas de calor:


Fogos pequenos para quebrar a frieza da casa:


Coloque na fornalha pequenos pedaços de lenha de forma entrelaçada. O toros devem ser pequenos. Depois de fazer brasa, coloque dois toros, de um canto a outro da fornalha, e mais dois que os atravessem na direção oposta. Abra totalmente o controle de ar e só o reduza depois que a lenha estiver ardendo em chamas. Esse tipo de fogo propiciando calor para no mínimo quatro horas.


Fogos duradouros de baixo calor:


Você pode querer acender um fogo que dure até oito horas, mas que não emita muito calor. Nesse caso, junte bem os toros na fornalha. Você precisará acender a carga e deixar bem quente até carbonizar completamente a superfície dos toros antes de reduzir o ar.


Fogos de alto calor para baixas temperaturas: 


Quando a demanda de calor for alta devido ao intenso frio, você precisará de um fogo que arda com vigor e durabilidade. Esse é o momento de usar toros maiores e madeira mais resistente. Coloque os toros maiores na parte traseira da fornalha e junte com o restante dos toros. Quando a lenha ficar bem compactada, o fogo produz a queima mais longa possível.


Pronto, agora com as nossas dicas você vai poder utilizar a sua lareira da melhor forma possível e deixar sua casa mais aconchegante e confortável no inverno.  Aproveite o melhor da estação e crie uma atmosfera aconchegante!


Para saber mais informações, entre em contato: https://www.castellarlareiras.com.br/contato

Conheça todos os diferenciais das lareiras Castellar Seja um revendedor autorizado Perguntas frequentes
Final do conteúdo